TRABALHOS de ARTES DECORATIVAS em: Madeira, Vidro, Velas, Chacota, Arte Floral, Eva, Patchwork, Pintura, Fotografia e Scrapbooking

Sábado, 08 de Setembro de 2012

                                    »»»»»»»»««««««««

                                    »»»»»»»»««««««««

Talvez não ser,

É ser sem que tu sejas,

Sem que vás cortando

O meio-dia com uma

Flor azul,

Sem que caminhes mais tarde

Pela névoa e pelos tijolos,

Sem essa luz que levas na mão

 

Que, talvez, outros não verão dourada,

Que talvez ninguém

Soube que crescia

Como a origem vermelha da rosa,

Sem que sejas, enfim,

Sem que viesses brusca, incitante

Conhecer a minha vida,

Rajada de roseira,

Trigo do vento,

 

E desde então, sou porque tu és

E desde então és

Sou e somos...

E por amor

Serei... Serás...Seremos...

 

(Pablo Neruda)

publicado por artedasao às 14:12

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



pesquisar
 
Setembro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
15





Últ. comentários
Olá Maria da Conceição!Encontrei ao acaso o seu bl...
Gostei imenso... De encontrar esses versos soltos ...
Maravilhosa tarde de segunda-feira para ti doce am...
Muito interessante!! Eu nunca tinha visto jarros c...
Uma fotografia muito linda!! Adoro pavões!!
Mais um belo poema e uma fotografia perfeita!!
Gostei muito deste poema!! Verdadeiramente encanta...
Muito linda
Ouvir o eco de nossas próprias palavras nos dá a i...
Belo poema, imagem ainda melhor!Dylan
Últ. comentários
Olá Maria da Conceição!Encontrei ao acaso o seu bl...
Gostei imenso... De encontrar esses versos soltos ...
Maravilhosa tarde de segunda-feira para ti doce am...
Muito interessante!! Eu nunca tinha visto jarros c...
Uma fotografia muito linda!! Adoro pavões!!
Mais um belo poema e uma fotografia perfeita!!
Gostei muito deste poema!! Verdadeiramente encanta...
Muito linda
Ouvir o eco de nossas próprias palavras nos dá a i...
Belo poema, imagem ainda melhor!Dylan
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro