TRABALHOS de ARTES DECORATIVAS em: Madeira, Vidro, Velas, Chacota, Arte Floral, Eva, Patchwork, Pintura, Fotografia e Scrapbooking

Quarta-feira, 12 de Setembro de 2012

Ponte Pênsil da Barca (Trofa) - 1858, Desaparecida a 15/01/1935 - -Reprodução da autoria de Alberto Lima

                                         »»»»»»»»««««««««

                                         »»»»»»»»««««««««

Eles

 

Eles tentaram nos impedir

A passagem pela ponte

Travando palavras e desenvolvimento

Nesta boa busca

Na estrada do melhor horizonte

 

Eles tentaram sem sucesso

Fragilizar nossas defesas

Superiores a cada momento

De ataques e incertezas

 

Eles são tão fracos

Pobres almas adormecidas

Em sentimentos menos nobres

Continuarão eternas desmerecidas

 

Eles seguirão cegos

Enquanto nós, vacinados

Seguiremos outras direcções

Imunes, livres e adiantados

 

(William Contraponto)

 

publicado por artedasao às 20:29

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



pesquisar
 
Setembro 2012
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
15





Últ. comentários
Olá Maria da Conceição!Encontrei ao acaso o seu bl...
Gostei imenso... De encontrar esses versos soltos ...
Maravilhosa tarde de segunda-feira para ti doce am...
Muito interessante!! Eu nunca tinha visto jarros c...
Uma fotografia muito linda!! Adoro pavões!!
Mais um belo poema e uma fotografia perfeita!!
Gostei muito deste poema!! Verdadeiramente encanta...
Muito linda
Ouvir o eco de nossas próprias palavras nos dá a i...
Belo poema, imagem ainda melhor!Dylan
Últ. comentários
Olá Maria da Conceição!Encontrei ao acaso o seu bl...
Gostei imenso... De encontrar esses versos soltos ...
Maravilhosa tarde de segunda-feira para ti doce am...
Muito interessante!! Eu nunca tinha visto jarros c...
Uma fotografia muito linda!! Adoro pavões!!
Mais um belo poema e uma fotografia perfeita!!
Gostei muito deste poema!! Verdadeiramente encanta...
Muito linda
Ouvir o eco de nossas próprias palavras nos dá a i...
Belo poema, imagem ainda melhor!Dylan
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro